Higienização das mãos reduz o absenteísmo por doenças

Fonte: GOJO Industries, Inc.

Em ambientes profissionais em que a pele entra em contato com sujidades pesadas como graxas, óleos, tintas, entre outras, é imprescindível a correta higienização e proteção da pele além da educação para que o trabalhador entenda a importância em se cuidar bem da própria pele.

Uma pele danificada aumenta a chance de doenças ocupacionais, como dermatoses, que afastam o trabalhador do seu local de trabalho, causando um enorme impacto negativo social e econômico.

Em ambientes profissionais administrativos, de alimentação, hoteleiros, entre outros, a higienização das mãos é de suma importância para o controle da transmissão dos germes mais comuns que podem causar desde um simples resfriado, gripe, conjuntivite até doenças mais graves. 80% da transmissão de doenças ocorrem através do contato das mãos, por isso, elas devem estar sempre limpas e saudáveis.

Em estudo conduzido pela GOJO no prédio administrativo da Federal Express (FEDex) nos Estados Unidos, comprovou-se uma redução de 21% no absenteísmo no grupo de trabalhadores que higienizava as mãos mais vezes por dia comparado ao grupo de trabalhadores que não higienizava as mãos frequentemente. O grupo que higienizava as mãos com frequência utilizava o PURELL Antisséptico Instantâneo de Mãos, disponível em suas mesas de trabalho.

Em ambientes hospitalares a higienização das mãos é ainda mais importante, sendo mandatório em inúmeras situações para se controlar a transmissão dos germes pelas mãos evitando-se as infecções hospitalares.

Deixe um COMENTÁRIO

Entre com seu termo de pesquisa